11h29 - quinta, 30/05/2019

Um Estado autoritário


Carlos Pinto
Esta semana que passou fica marcada pela inusitada operação que juntou GNR e Autoridade Tributária (AT). À saída de uma auto-estrada no Norte do país, brigadas da Guarda ordenavam que os condutores parassem para serem fiscalizados pelos funcionários da AT. E caso fosse detectada alguma irregularidade ou pagamento em atraso ao fisco (por exemplo, um Imposto Único de Circulação, no valor de 123 euros, por pagar desde o final de Abril), não tendo o incauto condutor dinheiro da carteira, teria de ver a sua viatura penhorada. No momento, "sem mus nem truz"!
O episódio daria para rir… não fosse ele bem real! E é isto que nos leva a pensar no autoritarismo que certos serviços do Estado vão adoptando nos dias hoje, dirigidos por burocratas mangas de alpaca que pouco saem do escritório e, por norma, executados à base de algoritmos concebidos sem ponta de senso ou sensibilidade.
É certo que continua a haver muito por melhorar na acção do Estado, por forma a evitar abusos e outras prevaricações (fiscais ou outras). Mas não é indo para a saída das auto-estradas à caça de multas e coimas, de forma intimidatória, que se resolve o problema. Exige-se, isso sim, pedagogia e capacidade diálogo. Porque – bastas vezes – quem deve não o faz por querer, mas sim por não ter como o evitar.



Outros artigos de Carlos Pinto

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
17h16 - domingo, 20/10/2019
Campo Arqueológico
de Mértola premiado
O Campo Arqueológico de Mértola (CAM) foi recentemente galardoado com o "IV Prémio Sísifo a la Investigación, Defensa y Difusión del Património Arqueológico" 2019, da Universidade de Córdova (Espanha).
07h00 - sexta, 18/10/2019
"Feira de Castro é uma bandeira do concelho"
O vice-presidente da Câmara de Castro Verde, David Marques, garante ao "CA" que valorização da Feira de Castro tem sido uma das apostas do actual executivo, considerando que o evento continua a ser um momento "de reencontro dos castrenses".
07h00 - sexta, 18/10/2019
Feira de Castro
espera milhares
de visitantes
A par do Natal, há outro marco incontornável no calendário anual dos castrenses (e de todas as gentes campaniças): a Feira de Castro! É por isso que ao terceiro fim-de-semana de Outubro as ruas da vila de Castro Verde se tornam num mar de gente, que desagua sempre no Largo da Feira, onde as barracas de roupa e calçado, os pregões dos vendedores e a tradição se juntam aos produtos da época, ao cheiro das farturas, à música dos carrosséis e às memórias de infância.
07h00 - sexta, 18/10/2019
Autarca de Ourique espera melhoria
dos serviços públicos na região
Com o novo Governo prestes a entrar em funções, o presidente da Câmara de Ourique espera que a próxima legislatura seja marcada por uma "melhoria da qualidade de vida dos ouriquenses e dos baixo-alentejanos".
07h00 - sexta, 18/10/2019
Exposição relembra
a "Beja Republicana"
A Câmara de Beja inaugura nesta sexta-feira, 18, pelas 18h30, no Centro UNESCO, a exposição "Beja Republicana", que tem coordenação científica do historiador Constantino Piçarra.

Data: 11/10/2019
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial