Almina entrega apoios a coletividades do concelho de Aljustrel

Um total de 24 instituições sociais, desportivas e culturais do concelho de Aljustrel vão receber apoio da empresa Almina – Minas do Alentejo, que tem a concessão das minas locais, num investimento total de cerca de 130 mil euros.

“Fazemos isto com muito agrado e com muito gosto”, sublinhou o presidente da administração da Almina na cerimónia de entrega dos apoios, realizada ao final da tarde desta segunda-feira, 12.

Segundo Humberto da Costa Leite, desde 2013 a Almina já concedeu “mais de 500 mil euros” em apoios a “cerca de 50 entidades” locais, garantindo que este é um gesto que a empresa faz “com muito agrado e com muito gosto”.

Nesse sentido, em 2021 a Almina apoia a aquisição de equipamento de desencarceramento por parte dos Bombeiros de Aljustrel e as obras de reparação do telhado da igreja matriz, a cargo da Paróquia de Aljustrel.

A empresa mineira concedeu igualmente apoios para a terceira fase das obras do berçário da Misericórdia de Aljustrel, para a aquisição de uma nova viatura de nove lugares adaptada para a Associação Social de São João de Negrilhos, para a compra de material didático para o infantário da CAPI de Messejana, para a aquisição de instrumentos musicais para a banda filarmónica da SMIRA e para a compra de uma impressora 3D para o Núcleo de Artes Visuais de Aljustrel/CRIRA.

Foi também atribuído um apoio financeiro ao Mineiro Aljustrelense, para desenvolvimento da sua atividade desportiva.

Durante a cerimónia, a empresa mineira assinou ainda o protocolo com a Câmara de Aljustrel, que prevê a doação do terreno onde será criado o futuro loteamento municipal do Torito.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima