Detidos em Aljustrel por cultivo e tráfico de droga

Detidos em Aljustrel por

Dois homens, um de 37 e outro de 50 anos, foram detidos pela GNR na sexta-feira, 11 de Outubro, no concelho de Aljustrel por suspeitas da prática dos crimes de cultivo e tráfico de cannabis.
Fonte da GNR adianta ao “CA” que no âmbito de uma investigação por tráfico de estupefacientes que decorria há vários meses, “os militares apuraram que os suspeitos se dedicavam ao cultivo e tráfico de produtos estupefacientes, efectuando posteriormente a sua venda aos consumidores”.
Durante as buscas a Guarda acabou por apreender 32 doses de haxixe, 22 doses de liamba, uma balança digital, uma arma de fogo transformada, 35 munições, um telemóvel e diversos materiais utilizados na rega e no acondicionamento, armazenamento e produção de cannabis.
Os suspeitos, um dos quais com antecedentes criminais por crime de furto, foram constituídos arguidos e os factos remetido ao Tribunal Judicial de Ourique.
Um dia antes, no concelho de Beja, a GNR apreendeu mais de 200 litros de produtos fito-farmacêuticos, no âmbito de uma acção de fiscalização e controlo da aplicação e armazenamento deste tipo de produtos.
De acordo com a GNR, “os militares detectaram numa exploração agrícola 226,5 litros de produtos fito-farmacêuticos sem autorização de venda nacional emitida pela Direcção Geral de Alimentação e Veterinária”, tendo sido “elaborado um auto de contra-ordenação por aplicação e armazenamento de produtos fito-farmacêuticos, punível com uma coima que pode atingir os 44.500 euros”.
A mesma fonte acrescenta que o responsável pela exploração foi identificado e os factos remetidos à entidade responsável, a Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Alentejo.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima