Disfunção eréctil com novo tratamento

Quinta-feira, 17 Setembro, 2020

Inês Veiga

farmacêutica

Comprimido natural à base de pinheiro marítimo francês ajuda a melhorar a qualidade sexual de homens com problemas erécteis.
Prelox é um novo produto produzido por um laboratório suíço e que revelou bons resultados no tratamento da disfunção eréctil. Em testes (1) efectuados em 50 homens com disfunção eréctil, aqueles que tomaram este novo comprimido, feito a partir de extracto do pinheiro marítimo francês, afirmam ter voltado a atingir erecções normais e duplicado o número de relações sexuais. Prelox, que se encontra disponível em farmácias, é composto por uma associação natural do aminoácido L-arginina e do Pycnogenol, um extracto de pinheiro martítimo francês, uma espécie que se desenvolve exclusivamente na costa sudoeste de França, e cujos componentes biologicamente activos (os flavonóides) estimulam a produção de óxido nítrico (uma substância natural produzida pelo corpo) provocando um relaxamento dos vasos sanguíneos e um consequente aumento do fluxo de sangue por todo o corpo, inclusivamente no pénis, promovendo a erecção.
Outro estudo realizado nos Estados Unidos, citado pelos produtores deste comprimido, avaliou o efeito de Prelox em 37 homens com disfunção eréctil ligeira e o resultado mostrou que, em apenas 6 semanas, 81% dos homens obteve um aumento no índice internacional da função eréctil – indicador que mede o nível de ereção necessária para que o paciente inicie, mantenha e finalize a relação sexual.
Uma outra vantagem deste novo comprimido é que é feito à base de produtos naturais e não revelou efeitos secundários diferentes entre o grupo de homens que o tomou e o grupo de controlo (grupo placebo) que tomou comprimidos sem estes princípios activos.

<b> (1) </b> <i>O estudo referido designa-se “Improvement of erectile function with Prelox: a randomized, double-blind, placebo-controlled, crossover trial”, publicado no International Journal of Impotence Research e no European Drug Research </i>

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Em Destaque

Últimas Notícias

Role para cima