Domine o seu estômago!

Quinta-feira, 17 Setembro, 2020

Alexandra Bento

Quantas vezes dá por si a não conseguir evitar o frigorífico ou a máquina dos snacks? Tudo pode ser contrariado. Só tem que aprender alguns princípios da alimentação saudável e a escolher os alimentos certos, que o ajudam a manter a fome mais controlada.
Por mais agitada que seja a sua manhã, não fuja ao pequeno-almoço! Se não gosta de leite, opte por um iogurte com cereais integrais, acompanhado de uma peça de fruta (fruta fresca ou bebível). Opções não faltam: laranja, maçã, banana, frutos vermelhos, ananás… Da mesma forma, não salte as refeições principais, que devem ser sempre iniciadas com um prato de sopa de legumes, que fornece vitaminas, minerais, água e muitas fibras.
Os cereais, as leguminosas, as massas e os hortofrutícolas, são ricos em fibras que ajudam a criar a sensação de saciedade, ajudam a regular o intestino (evitando a sensação de inchaço) e evitam que esteja sempre com a sensação de fome. Além disso, os alimentos ricos em fibra também contribuem para a regulação dos níveis de colesterol, prevenindo doenças cardiovasculares.
Depois varie entre o peixe e a carne, a massa e o arroz (de preferência integral), a batata e muita salada (tomate, alface, pepino, couve roxa, cebola, rúcula…). Comer uma sandes e um rissol ou croquete, por mais que o deixem satisfeito na altura, vai rapidamente dar origem a uma fome incontrolável e levá-lo a comer o que não deve, para além de terem imensas calorias. (Depois não diga que não sabe por que motivo está a engordar!).
As refeições a meio da manhã e da tarde têm uma razão de existir – ajudam o organismo a não passar tantos períodos em jejum, evitando os momentos de hipoglicémia, e evitam uma fome voraz na refeição seguinte. Seja criativo para não cair na monotonia de comer sempre o mesmo! Algumas sugestões incluem: uma sandes de pão integral com queijo fresco e uma folha de alface ou um iogurte magro adicionado de um pouco de frutos secos; uma peça de fruta (fresca ou bebível) e duas bolachas do tipo “Maria”…
Apesar de normalmente esquecida, a ceia ajuda a preparar o organismo para as oito horas de repouso. E por vezes basta beber um copo de leite ou um chá de ervas para acalmar o estômago. Acontece que, muitas vezes, a sede é mascarada com a sensação de fome. Por isso, antes de atacar os bolos ou as bolachas, experimente beber alguma coisa. Mas se mesmo assim continua a sonhar com comida, prepare umas tostas com um pouco de compota (de preferência sem açúcar!) ou coma uns bagos de uva, uma pêra ou ameixas. Se isto acontece muito, está na hora de mudar o cardápio do jantar!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Em Destaque

Últimas Notícias

Role para cima