CCDRA pede paragem da fábrica das Fortes

CCDRA pede paragem

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Alentejo emitiu um parecer onde pede ao IAPMEI a “interrupção imediata” da laboração da fábrica de bagaço de azeitona na aldeia de Fortes, no concelho de Ferreira do Alentejo.
O parecer da CCDR tem por base o facto de a unidade industrial já ter recebido três contra-ordenações graves, “nomeadamente uma por atraso na entrega de relatório de auto-controlo e mais duas por emissões nas chaminés da fábrica fora dos limites da lei”.
A decisão é aplaudida pela Plataforma “Problema Ambiental das Fortes”, que no final de Maio promoveu a entrega de 60 queixas no Ministério Público da Comarca de Ferreira do Alentejo contra a fábrica por parte da população local.
“Cabe agora ao IAPMEI, entidade responsável pelos licenciamentos industriais apreciar o pedido de suspensão de laboração apresentado pela CCDR Alentejo e tomar uma decisão final sobre esta matéria que solicitamos com a maior brevidade possível e que não se esteja a pactuar com a ilegalidade já evidente”, sublinha a Plataforma em comunicado.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima