Castro Verde: Governo quer manter agro-ambientais

Castro Verde: Governo

Com o início das negociações para a elaboração da nova Política Agrícola Comum (PAC) agendado para o próximo mês de Junho, o ministro da Agricultura garante que o Governo se vai bater em Bruxelas pelos interesses da lavoura portuguesa. E entre estes estarão a manutenção das medidas agro-ambientais que sustentam o Apoio Zonal de Castro Verde, afiança Capoulas Santos.
“As garantias que dou aos agricultores é que estarei nesta negociação com o mesmo empenho, a mesma determinação e o mesmo sentido de defesa do interesse nacional com que sempre estive nas outras negociações em que participei”, diz o ministro da Agricultura ao “CA”.
Para Capoulas Santos, “é fundamental” que a agricultura na Europa “continue a ser devidamente apoiada”, sobretudo por ser “um sector vital que, no contexto do mercado global, dificilmente é competitivo sem apoios”. Além do mais, acrescenta o ministro, há ainda que ter em conta “o papel insubstituível que os agricultores cumprem no que diz respeito à defesa do ambiente”.
“Se queremos ter boas paisagens e um ambiente equilibrado, quem trata dos territórios são os agricultores. E portanto é justo que a sociedade também os remunere por esse trabalho de que todos beneficiamos, para além da função produtiva e de abastecimento alimentar, que é uma questão estratégica para qualquer país e para a Europa como um todo”, conclui Capoulas Santos.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima