Volta ao Alentejo sai para a estrada

Volta ao Alentejo

Arranca nesta quarta-feira, 20 de Março, em Montemor-o-Novo, a 37ª edição da Volta ao Alentejo em bicicleta, que contará com um pelotão de 124 ciclistas em busca da vitória numa das provas míticas do calendário velocipédico nacional.
A “Alentejana” é uma organização conjunta da Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central e da empresa Podium Events, com o patrocínio do Crédito Agrícola. Decorre até domingo, 24, e conta com um total de seis etapas, tendo resumos diários ao final da noite na RTP 3.
O director da prova “luta todos os dias” entre os ciclistas, numa competição que continua a ser muiro importante para as equipas participantes. “Julgo que as equipas portuguesas olham para a Volta ao Alentejo como um dos pontos altos da temporada, com uma importância fulcral na preparação de provas mais importantes como a Volta a Portugal. E as equipas estrangeiras que se apresentam querem contrariar esse favoritismo”, diz Joaquim Gomes.
A primeira etapa da Volta ao Alentejo parte nesta quarta-feira, 20, às 10h35, de Montemor-o-Novo, terminando 208 quilómetros depois em Moura, com chegada prevista às 15h54.
Na quinta-feira, 21, realiza-se a etapa Mértola-Odemira (182,8 kms) e na sexta-feira, 22, a tirada Santiago do Cacém-Mora (176,5 kms). Para sábado, 23, estão previstas duas etapas: Ponte de Sor-Portalegre (74,3 kms) de manhã e o contra-relógio Castelo de Vide-Castelo de Vide (8,4 kms) de tarde.
A Volta ao Alentejo 2019 termina no domingo, 24, com a etapa Portalegre-Évora, num total de 152 kms.
Em 2018 a “Alentejana” foi ganha pelo português Luís Mendonça, então ao serviço da Aviludo/ Louletano/ ULI. Mendonça está agora na equipa Rádio Popular/ Boavista e vai partir de amarelo nesta primeira etapa da Volta.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima