São Teotónio recebe apaixonados da caça

São Teotónio recebe

São Teotónio volta a ser o destino dos “amantes” da caça (e não só) com a IV Feira da Caça Maior do Concelho de Odemira, que decorre este fim-de-semana, dias 12 e 13.
O certame vai decorrer no Parque de Feiras e Exposições de São Teotónio com cerca de 80 expositores, “o que representa um crescimento de 15% em relação” à última edição, e esperando acolher perto de 6.000 visitantes.
“Há uns anos optámos por iniciar esta feira, que tem sido um evento com alguma relevância regional e até nacional. E este ano o que queremos é melhorar a feira e fazê-la ainda melhor que nos outros anos”, explica Ricardo Cardoso, vereador da Câmara de Odemira, adiantando que o Município quer “dar maior relevo” a uma importante actividade do concelho como é a caça.
Organizada pela Câmara Municipal de Odemira, em colaboração com a Junta de Freguesia de São Teotónio e as associações de caçadores do concelho, a feira vai contar com a presença de stands de empresas e associações do sector, exposição de cães de matilha e de troféus, momentos de debate, gastronomia e animação musical.
E serão realizadas no recinto demonstrações de caça com cães de parar e de falcoaria!
Este ano, segundo Ricardo Cardoso, haverá “algumas novidades, não só em termos de actividades como em termos de expositores”.
Mas, refere também o autarca, “acima de tudo será a consolidação de uma feira ainda jovem!”
“Vamos ter cada vez mais expositores, cada vez mais mostras gastronómicas, cada vez mais exposições de espécies e cada vez mais actividades relacionadas com a caça. E é isso que é importante nesta feira: que todas as actividades, todos os expositores e até a gastronomia se relacionam com o tema da feira”, explica com optimismo o vereador odemirense.
Este ano, uma das grandes novidades é a realização de um mega-almoço entre caçadores, famílias, amigos e adeptos da caça no domingo, 13 de Setembro.
O objetivo da iniciativa será “falar de caça e da caça” que, no concelho de Odemira, tem cada vez mais unidades de turismo associadas ao sector.
“É uma actividade muito importante, nomeadamente para o interior do nosso concelho, onde a caça atrai muita gente. Com isso ganha o comércio e ganham os restaurantes. É uma actividade que representa muito do ponto de vista da atracção do território”, explica Ricardo Cardoso.
Refira-se que no concelho de Odemira existem diversas zonas de caça, sendo a caça maior, nomeadamente a caça ao javali, uma das modalidades com maior expressão.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima