Odemira avança com estratégia para o Mira

Odemira avança com

A Câmara de Odemira já arrancou com a elaboração do Plano Estratégico e Operacional de Valorização do Rio Mira, dando continuidade ao trabalho de enquadramento do estudo iniciado ainda em 2017.
De acordo com a autarquia, o plano pretende “materializar a política de valorização das margens do rio Mira dentro do concelho, entre a barragem de Santa Clara e a sua foz, em Vila Nova de Milfontes”, num trabalho que conte com o envolvimento das entidades locais, públicas e privadas “que contribuem activamente para o desenvolvimento do concelho de Odemira”.
“Nesse sentido, foi já desenvolvido o primeiro passo deste novo plano com a conclusão do Relatório Inicial Metodológico de Lançamento”, revela a mesma fonte, adiantando que a equipa técnica que tem a cargo a elaboração do plano “resulta de uma parceria” entre as empresas Ecosativa, de Vila Nova de Milfontes, e We Consultants, de Lisboa.
A elaboração do plano inclui cinco fases (Metodologia, Diagnóstico do Potencial de Desenvolvimento, Modelo de Valorização Estratégica, Programa de Acção e Plano de Investimento, Financiamento e Marketing Territorial) e deverá estar concluído em Maio de 2019.
“Até lá, as entidades locais serão consultadas e chamadas a participar activamente no processo de definição da estratégia e de operacionalização da valorização do rio Mira”, sublinha a Câmara de Odemira.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima