Novo sistema de recolha de lixo em Ourique

Novo sistema de recolha

A Câmara de Ourique e a empresa intermunicipal Resialentejo vão lançar um projecto-piloto de recolha de lixo “porta-a-porta”, no qual os munícipes irão pagar apenas os resíduos efectivamente produzidos.
Segundo o presidente da autarquia, o projecto adopta o sistema “Pay as you throw” (PAYT) e “vai ser implementado a partir do dia 1 de Janeiro de 2020 nalguns bairros e ruas da vila de Ourique”, correspondente a cerca de 30% da população da vila de Ourique.
O objectivo é aumentar “a deposição de recicláveis” e beneficiar os munícipes que separam correctamente os resíduos”. “Actualmente os munícipes pagam uma tarifa de resíduos calculada em função do consumo de água. Com este sistema pretende-se criar um sistema mais justo. Os munícipes irão apenas pagar os sacos destinados aos resíduos indiferenciados (lixo). Os sacos destinados aos resíduos recicláveis (vidro, papel/cartão e plástico e metal) são gratuitos”, explica Marcelo Guerreiro.
O edil ouriquense acrescenta que, com esta medida, “quanto mais os munícipes reciclarem menos vão pagar pelo seu lixo”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima