Mértola é “capital da caça” até domingo

Mértola é

Mais que um slogan, uma certeza: Mértola é a capital da caça no distrito de Beja (e uma das principais zonas do país para a prática desta actividade)! Uma realidade que vai estar em destaque ao longo deste fim-de-semana, 25 a 27 de Outubro, na “vila museu”, que acolhe a 10ª edição da Feira da Caça. A iniciativa é promovida pela autarquia local, em colaboração com diversas entidades, e vai ter como “epicentro” o Pavilhão Desportivo Municipal, sendo esperadas centenas de visitantes (caçadores e não só) ao longo destes três dias de festa.
“A Feira da Caça de Mértola já ganhou estatuto e está consolidada no calendário de eventos ligados ao Mundo Rural e às questões da natureza. É seguramente uma das melhores eventos cinegéticos que se faz em todo o país e isso também é sinónimo da qualidade que sempre pretendemos dar à Feira da Caça”, sublinha ao “CA” o presidente da Câmara de Mértola.
De acordo com Jorge Rosa, este evento surge “num âmbito mais alargado, de estruturação de um produto cinegético” que é “muito importante” no território e tem grandes repercussões na economia local. “A caça aporta uma grande riqueza a esta zona, dinamiza o comércio local, dinamiza a economia local e contribui muito para que as pessoas tenham melhores orçamentos familiares e tenham um pouco mais de poder de compra e de consumo”, observa Jorge Rosa.
Promover as potencialidades cinegéticas do concelho e mostrar a importância desta actividade na valorização do território e da biodiversidade são os objectivos da Feira da Caça de Mértola, cuja 10ª edição é inaugurada oficialmente pelas 18h00 desta sexta-feira, 25, e conta no programa com caçadas, exposições, venda de produtos, música, colóquios, gastronomia e demonstrações.
Fora do recinto do certame, no sábado, 26, terão lugar a Taça Ibérica de Santo Humberto (às 7h00 na Zona de Caça Municipal de Mértola), uma montaria de caça maior (7h30 na zona de caça das Romeiras), uma corrida de cães galgos (11h00 na Achada de São Sebastião) e tiro aos pratos (9h00 e 14h30 no Campo de Tiro “O Alhinho”).
Para domingo, 27, está previsto o Campeonato Nacional de Salto “Fernando Pereira” (a partir das 8h00 na zona de caça turística do Moinho Monte Novo) e uma largada de perdizes, faisões, pombos e patos (concentração pelas 9h00 na avenida Aureliano Mira Fernandes).
Ao longo dos três dias haverá muitos petiscos para provar na feira, que apresenta igualmente um vasto cartaz musical. Na sexta-feira, 25, cantam o Grupo Coral da Mina de São Domingos (20h00), seguindo-se o espectáculo de Augusto Canário & Amigos (22h00) e baile com Ricardo Glória (23h30. Para sábado, 26, estão previstas as actuações do grupo “Ventos Alentejanos” (15h30), a que seguem os espectáculos de Rosinha (18h00) e dos algarvios “Íris” (22h00), e um baile com Rui Soares & Lau (23h30). No último dia de feira, no domingo, 27, há música com o grupo “Trupe da Cana Rachada” (16h30).
O programa da X Feira da Caça de Mértola inclui ainda uma visita à área-piloto do Projecto LIFE Imperial (sábado, 26, às 10h00) e o III Concurso de Mel do Parque Natural do Vale do Guadiana (domingo, 27, às 14h00). E até domingo decorre a Semana Gastronómica da Caça, com a participação de 15 restaurantes do concelho.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima