João Guerreiro: “Com Luís Montenegro Portugal passará a ter uma verdadeira alternativa”

João Guerreiro: “Com Luís Montenegro Portugal passará a ter uma verdadeira alternativa”

O mandatário distrital de Luís Montenegro, João Guerreiro, não tem dúvidas: o ex-líder parlamentar é o melhor candidato para recolocar o PSD no rumo das vitórias e do exercício governativo.

Por que razão é Luís Montengro o melhor candidato a presidir o PSD?
Apenas Luís Montenegro tem, na atualidade, a capacidade e o engenho de reunir a família social-democrata, fraccionada pelo actual presidente, e conceder uma dimensão nacional ao PSD, em contraste com a dimensão regional que a actual direcção nacional tem conduzido o partido. Com Luís Montenegro à frente dos destinos do PSD, Portugal passará a ter uma verdadeira alternativa ao desgoverno do Partido Socialista.

Espera que estas eleições sejam apenas decididas numa segunda volta?
Não. Seria desejável que fossem decididas já na primeira volta, com a vitória de Luís Montenegro.

Qual o maior desafio que o partido tem pela frente?
Mostrar-se ao país como uma verdadeira alternativa credível para governar Portugal.

Qual deve ser a prioridade do novo presidente do PSD relativamente ao Baixo Alentejo?
Criar condições substantivas que ajudem à união dos militantes e simpatizantes do PSD, para que, a uma só voz possa reivindicar a concretização dos projetos, que há muito os baixo-alentejanos reclamam, nomeadamente a abertura do IP8; a electrificação da linha férrea Beja-Casa Branca; uma solução para o aeroporto que valorize a região; a construção da linha férrea de Sines/Caia com paragem no distrito de Beja; a resolução das questões relacionadas com a Saúde, quer ao nível dos médicos de Medicina Familiar, quer das especialidades no Hospital José Joaquim Fernandes.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima