Festival "Ilha dos Sons" enche Mina de S. Domingos

Festival "Ilha dos Sons"

Dengaz & Ahya Band, Dillaz, Jimmy P e Kussondulola são os destaques do Festival Ilha dos Sons, que começa esta quinta-feira, 28, na praia fluvial da Mina de São Domingos.
Organizado por uma empresa privada e com o apoio da Câmara de Mértola, o festival Ilha dos Sons – Festival da Juventude de Mértola, para um público-alvo dos 16 aos 30 anos, vai decorrer até sábado, junto à Praia Fluvial da Tapada Grande, naquela aldeia do concelho de Mértola.
À semelhança da primeira edição, que recebeu 5.000 visitantes, a Ilha dos Sons deste ano apresenta um cartaz "100% português", que abarca vários estilos musicais, como reggae, soul, hip-hop, indie rock e dance, diz à Agência Lusa o produtor do festival, João Pedro Lampreia.
A primeira noite do festival, esta quinta-feira, é dedicada aos estilos reggae e dance e inclui os concertos de Kristóman & Randyone, Kussondulola e Spitfyah Sound System e as sessões dos DJ’s Shock e Smash.
A segunda noite, na sexta-feira, será dedicada aos estilos hip-hop, indie rock e dance e contará com os concertos de Horses for Courses, Linda Martini, Dillaz, Supa Dust Man e as sessões dos DJ’s Krisnha e Overule & Virgul.
A Ilha dos Sons termina no sábado com uma noite também dedicada aos estilos hip-hop, indie rock e dance e que inclui os concertos de Metamorfose, Jimmy P, Dengaz & Ahya Band e as sessões dos DJ’s Sunlize, Dupla Mete Cá Sets e Ezrra.
Segundo João Pedro Lampreia, os cabeças-de-cartaz Dillaz, Jimmy P e Dengaz & Ahya Band foram escolhidos por jovens através de um inquérito realizado nas plataformas sociais do festival na Internet.
Segundo a organização, o festival Ilha dos Sons pretende promover a luta contra a desertificação, a descentralização de eventos dos grandes centros urbanos para o interior, a consciencialização social e ambiental e dinamizar a região turística e culturalmente.
A praia fluvial de Mina de São Domingos "promete ser a opção perfeita para os festivaleiros", os quais, através da Ilha dos Sons, "poderão usufruir de um festival de música de referência e aproveitar para conhecer mais uma pacata e paradisíaca localidade alentejana".
A Mina de São Domingos oferece "óptimas condições" para a realização da Ilha dos Sons, porque dispõe de "uma praia fluvial única" e junto a "uma ampla zona verde" para campismo.
Segundo João Pedro Lampreia, os portadores de Cartão Jovem ou do Cartão Jovem de Mértola terão um desconto de cinco euros na compra do passe para os três dias do festival.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima