Dois identificados por receptação em Ferreira

Dois identificados por

O Núcleo de Investigação Criminal de Beja da GNR identificou, no final da passada semana, dois homens, um de 25 e outro de 29 anos, na vila de Ferreira do Alentejo pelo crime de receptação de material furtado.
Fonte da GNR adianta ao “CA” que no âmbito de uma investigação, que decorreu durante os últimos quatro meses, os militares identificaram “os indivíduos responsáveis por receberem e guardarem os bens furtados de pelo menos 12 furtos em Portugal e cinco em Espanha, que visaram empresas de transportes, stands de venda de automóveis, postos de abastecimentos de combustíveis, armazéns agrícolas e lagares de azeite”.
“Desta investigação resultou no cumprimento a oito mandados de busca, nomeadamente às residências dos suspeitos, a uma viatura e a três armazéns, onde o material furtado era guardado, para posterior venda, nas localidades de Ervidel e Montes Velhos, concelho de Aljustrel, e na localidade de Aldeia do Rouquenho, concelho de Ferreira do Alentejo”, acrescenta a GNR.
Durante a operação foram apreendidas 28 máquinas de apanha da azeitona, 24 máquinas varejadoras para a apanha da azeitona, 21 portas de veículos automóveis de diversas marcas, cinco radiadores, quatro jantes para automóveis, dois motores e dezenas de outras peças furtadas, assim como dois motociclos e três quadriciclos, ferramentas provenientes de oficinas de automóveis, dois empilhadores, seis televisões, dois frigoríficos e uma máquina de lavar, dois computadores portáteis e dezenas de componentes electrónicos, cinco rebarbadoras, uma moto-serra, três telemóveis, e dezenas de artigos de higiene e bebidas.
Os suspeitos, ambos com antecedentes criminais por furtos e receptação, foram sujeitos à medida de coacção de termo de identidade e residência.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima