Os desafios do futebol distrital

Quinta-feira, 19 Março, 2015

Carlos Pinto

director do correio alentejo

A Associação de Futebol de Beja (AFB) celebra no próximo dia 30 de Março o seu 90º aniversário. Mas se o tempo é de festa, deve também ser (e obrigar) à reflexão sobre que futuro queremos para o futebol distrital e quais os caminhos que podem (e devem) ser percorridos no sentido de manter viva a modalidade que mais adeptos tem na região.
A necessidade deste trabalho de análise e ponderação é por demais evidente. O número de equipas inscritas nos diversos campeonatos distritais – sobretudo a partir dos juvenis – é cada vez mais diminuto, as participações nos campeonatos nacionais de seniores ou na formação resumem-se quase sempre ao “sobe e desce”… E tudo isto numa época em que todos os municípios do Baixo Alentejo, sem excepção, colocaram à disposição dos seus clubes complexos desportivos ou campos de futebol com todas as condições, que em muitos casos parecem não estar a ser devidamente rentabilizadas por estas colectividades.
E é precisamente aqui que se tem de fazer alguma coisa. Parte desse trabalho estará reservado à AFB, mas sejamos justos: a “bola” está sobretudo nas mãos dos clubes e dos seus dirigentes. Que haja entre estes mais empenho relativamente à formação e que se adoptem novas estratégias para cativar jovens atletas, em detrimento de ver estas equipas apenas como uma despesa. Se assim não for, o “Distritalão” poderá em breve padecer do mesmo mal que o futebol profissional português, em que a maior parte dos jogadores chega de outras paragens. Haja dinheiro para isso, é claro!

[B]Estamos todos de parabéns![/B]
O seu jornal comemora nesta edição nove anos de publicação. A hora é de agradecer a todos aqueles que, à sua medida, têm contribuído para esta epopeia e, sobretudo, aos nossos leitores. O tempo de brindarmos ao futuro, certos que seremos sempre dignos no cumprimento do objectivo que nos guia desde 24 de Março de 2006: fazer um jornal com uma visão independente, moderna e culturalmente sólida da região.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Em Destaque

Últimas Notícias

Role para cima