Campeonato distrital movimenta 412 mil euros

Campeonato distrital

As 14 equipas do campeonato distrital da 1ª divisão vão movimentar ao longo da temporada 2014-2015 cerca de 412 mil euros, segundo apurou o “CA” junto dos clubes.
Este ano, o grande candidato ao título é o FC Castrense e é também a equipa de Castro Verde aquela que mais prevê gastar com a sua equipa sénior – “Entre 50 a 60 mil euros”, adianta o presidente Carlos Alberto Pereira.
Logo atrás no ranking das equipas mais gastadores surgem FC São Marcos (40 mil euros) e Odemirense (37.500).
Por oposição, os “históricos” Aldenovense e Cabeça Gorda são os clubes com o orçamento anual mais “magro” de entre todos os 14 emblemas da 1ª divisão distrital: apenas 20 mil euros.
Pouco mais gastam Guadiana de Mértola e Sabóia – 25 mil euros!
Entre os 25 e os 35 mil euros encontram-se os orçamentos das restantes equipas da 1ª divisão distrital: Sp. Cuba (28 mil euros), FC Serpa e Vasco da Gama (os dois com 30 mil euros), Almodôvar (31.500 euros), Renascente de São Teotónio e Piense (ambos a rondar os 35 mil euros).
Em média, as 14 equipas da 1ª divisão distrital gastam nos 10 meses de temporada futebolística um total de 32.400 euros.
O Milfontes foi o único clube que não revelou em tempo útil ao “CA” o orçamento da sua equipa sénior esta temporada.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima