Surto de Covid-19 no lar de Messejana “ultrapassado”

O surto de Covid-19 no Lar da Santa Casa da Misericórdia de Messejana, em Aljustrel, provocou a morte de três utentes, mas já “foi ultrapassado”.

“Podemos finalmente dizer que o surto foi ultrapassado”, disse ao “CA” o provedor da instituição, Manuel Ruas, lembrando que os idosos que faleceram, “para além da sua idade, padeciam de outras patologias.

O surto no lar da Misericórdia de Messejana, no concelho de Aljustrel, foi detetado a 4 de fevereiro, quando uma funcionária da cozinha testou positivo ao novo coronavírus SARS-CoV-2.

Um segundo caso foi registado a 9 de fevereiro, quando uma utente que tinha sido transportada para o hospital de Beja devido a um episódio de urgência médica testou positivo, o que levou à testagem de todos os utentes e funcionários da instituição, num total de 75 pessoas.

No total, o surto na Misericórdia de Messejana registou 23 infetados, ou seja, 19 utentes (três dos quais acabaram por falecer) e quatro funcionárias.

O surto obrigou à transferência de 15 utentes que testaram positivo para a Zona de Concentração de Apoio à População (ZCAP) na sede de concelho, de onde regressaram a 8 de março.

O provedor da Misericórdia de Messejana reconheceu que este foi um “momento complicado para todos”, deixando “uma palavra de agradecimento, coragem e solidariedade” para utentes e colaboradores da instituição.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima