Sandra Barata Belo apresenta "Morreste-me" em Estremoz

Sandra Barata Belo apresenta

"Morreste-me", a primeira obra do escritor José Luís Peixoto, foi adaptada para teatro, num monólogo, com interpretação de Sandra Barata Belo, que vai estrear no sábado, no Teatro Bernardim Ribeiro, em Estremoz, divulgou hoje o município.

A estreia nacional da peça está marcada para as 21:30, na sala da cidade alentejana, sendo a primeira encenação de "Morreste-me", curta obra que José Luís Peixoto escreveu em 1996 e 1997, a propósito da morte do pai, mas também sobre a família e o Alentejo.

O espetáculo, que vai ter outra sessão, no domingo, às 16:00, no teatro de Estremoz, estará em cena de 24 de janeiro a 03 de fevereiro, no Teatro do Bairro, em Lisboa.

O texto foi adaptado para um monólogo no feminino, pelas atrizes Cátia Ribeiro e Sandra Barata Belo, ambas responsáveis também pela encenação.

Em palco estará apenas a atriz Sandra Barata Belo a interpretar o papel de uma filha que regressa a casa, no Alentejo, onde viveu com a família, depois da morte do pai.

A música original é de António Zambujo, com arranjos de Manu Figueiredo, e o cenário de Rui Francisco.

Sandra Barata Belo ficou conhecida sobretudo no cinema, ao interpretar o papel de Amália Rodrigues, mas decidiu criar uma produtora – Beladona – para avançar com todos os projetos que diz ter na cabeça.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima