PS elogia reabertura da Basílica de Castro

PS elogia reabertura

A Concelhia de Castro Verde do PS assinala “com grande alegria” a reabertura ao culto da Basílica Real da vila, concretizada na último domingo, 8, após uma primeira fase de obras de requalificação avaliadas em 65 mil euros.
Em comunicado, os socialistas de Castro Verde dizem que a intervenção colocou “termo a longos anos de degradação e incapacidade para estabelecer ‘pontes’ e um acordo entre as várias partes intervenientes”, o que só foi possível “graças ao trabalho intenso da Câmara Municipal, cuja acção de coordenação foi essencial para garantir a parceria muito positiva com a Paróquia de Castro Verde, a União de Freguesia de Castro Verde e Casével, a Somincor e a Direcção Regional de Cultura do Alentejo”.
Por isso mesmo, continua o comunicado, o PS de Castro Verde manifesta “tristeza” e lamenta “o evidente incómodo” manifestado pela CDU, “nomeadamente o vereador Francisco Duarte, que publicamente deixou ‘cair a máscara’ e abusou da ironia e do sarcasmo para tentar diminuir um momento tão marcante e de satisfação para todos os castrenses”.
“O PS de Castro Verde está certo que esta atitude de alguém que deveria ter muito mais responsabilidade pública, não travará o caminho bem definido para a segunda fase da intervenção na Basílica Real, que já tem aprovados fundos comunitários (85%) e apoio da Somincor (15%), para um investimento de 381.300 euros”, conclui o comunicado.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima