PS do Baixo Alentejo já prepara Autárquicas de 2021

As eleições Autárquicas previstas para Setembro ou Outubro deste ano de 2021 estiveram sobre a mesa na região por vídeo-conferência que o presidente da Federação do Baixo Alentejo (FBA) do PS promoveu na passada semana com os autarcas socialistas da região.

De acordo com o PS do Baixo Alentejo, na sessão com Nelson Brito participaram os presidentes de Câmara, vereadores e deputados eleitos pelos socialistas no Baixo Alentejo, “tendo como ponto único da ordem de trabalhos as próximas eleições Autárquicas”.

Em comunicado enviado ao “CA” os socialistas baixo-alentejanos  acrescentam que esta foi uma das várias reuniões em que o presidente da FBA participou na passada semana.

Na sexta-feira, 29 de Janeiro, Nelson Brito participou num encontro com o secretário-geral do PS, António Costa, que reuniu todos os presidentes das federações socialistas e serviu para analisar “a situação pandémica, nas suas dimensões de saúde, social e económica”.

“Foi igualmente feito um balanço das eleições Presidenciais” e “abordado o modelo do próximo Congresso Nacional do PS”, revela o PS do Baixo Alentejo.

A par destas duas reuniões, Nelson Brito participou ainda numa reunião que juntou os presidentes das três federações socialistas do Alentejo (Baixo Alentejo, Évora e Portalegre), “tendo sido feita a análise da evolução da situação pandémica e a apreciação dos resultados das Presidenciais na região”.

“Foi igualmente decidido pelos três dirigentes solicitar reuniões aos ministros detentores das tutelas da Administração Interna e da Segurança Social”, anuncia o PS do Baixo Alentejo.

Condicionamentos causados pela pandemia à actividade partidária “devem ser entendidos como novos desafios a uma actividade política que é imprescindível ao país e que, no caso do PS do Baixo Alentejo, se tem procurado reinventar através de novas formas de chegar aos militantes e às populações”.

PS do Baixo Alentejo

Internamente, a FBA promoveu uma reunião da comissão permanente do secretariado, “tendo sido analisados os resultados eleitorais das Presidenciais” e “a evolução da Covid-19 no Baixo Alentejo”, além de se terem perspectivado as eleições Autárquicas.

Os mesmos tópicos fizeram parte da ordem de trabalhos da reunião que Nelson Brito manteve no sábado, 30 de Janeiro, com os presidentes das 14 concelhias do PS.

Segundo a FBA, os condicionamentos causados pela pandemia à actividade partidária “devem ser entendidos como novos desafios a uma actividade política que é imprescindível ao país e que, no caso do PS do Baixo Alentejo, se tem procurado reinventar através de novas formas de chegar aos militantes e às populações”.

O PS do Baixo Alentejo reitera ainda no comunicado o seu objectivo de “fomentar uma cooperação positiva no relacionamento” entre  a Federação e os vários órgãos e níveis do partido e com a sociedade em geral.

“A consolidação destas interacções positivas, em particular no tempo difícil que  vivemos”, é “ imprescindível para concretizar os anseios dos baixo-alentejanos e das baixo-alentejanas”, conclui o comunicado da Federação.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima