PCP defende mais investimento na ferrovia

PCP defende mais

A Direcção da Organização Regional de Beja (DORBE) do PCP veio a público exigir investimentos na rede ferroviária da região e uma política de mobilidade que “assegure desenvolvimento” do distrito.
A posição da DORBE comunista surge depois de ter sido tornado público o Programa Nacional de Investimentos 2030 na área da mobilidade, com o PCP a considerar ser “uma hipocrisia politica inqualificável” as afirmações do ministro do Planeamento e das Infra-estruturas, Pedro Marques, por continuar a deixar de fora dos investimentos ferroviários o distrito de Beja.
“Esta opção confirma a denúncia que o PCP desde há muito vem fazendo que as opções do PS para o distrito não diferem das opções politicas de direita dos sucessivos governos liderados tanto por este partido como pelo PSD e CDS, políticas que levaram o distrito e a região à situação em que se encontra”, sustenta o PCP.
Os comunistas exigem, entre outras reivindicações, a electrificação da linha ferroviária entre Beja e Casa Branca, “numa primeira fase”, e a requalificação entre Beja e Funcheira, “numa segunda fase”, por forma a repôr “a ligação directa ao Algarve”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima