Ourique promove Feira do Porco Alentejano em formato digital

A edição de 2021 da Feira do Porco Alentejano vai realizar-se, em formato digital, no próximo fim-de-semana, 26 a 28 de Março. Depois de ter sido adiado em 2020 devido à pandemia da Covid-19, o evento regressa em 2021, ainda que num modelo alternativo “imposto” pelas atuais restrições, por forma a valorizar a fileira e a promover o concelho.

“A pandemia pode ter limitado as convergências físicas, mas não afetou em nada a firme determinação do Município de Ourique em continuar a apostar na fileira do porco alentejano como uma das marcas distintivas do território e da economia local”, justifica ao “CA” o presidente da autarquia.

Nesse sentido, continua Marcelo Guerreiro, a Câmara de Ourique e a Associação de Criadores do Porco Alentejano (ACPA) decidiram assinalar o certame “de uma forma diferente”, com “um conjunto de conteúdos online, que serão transmitidos na página de Facebook e no canal de Youtube do município nos dias 26, 27 e 28 de Março”.

“A pandemia pode ter limitado as convergências físicas, mas não afetou em nada a firme determinação do Município de Ourique em continuar a apostar na fileira do porco alentejano como uma das marcas distintivas do território e da economia local.”

Marcelo Guerreiro | presidente da Câmara de Ourique

A par disto, “e porque é importante sublinhar a excelência do trabalho dos criadores na sustentação das atividades produtivas da fileira e sua importância para a economia local, o Município de Ourique a ACPA decidiram proceder à atribuição dos tradicionais prémios para os produtores das Melhores Vara de Montanheira 2020-2021, iniciativa que será concretizada no terreno, nas explorações galardoadas”, acrescenta o edil.

O presidente da Câmara de Ourique deixa ainda uma saudação e agradecimento ao “esforço de sustentação das atividades rurais realizado pelos empresários, criadores, produtores e trabalhadores para continuar a assegurar produtos para a cadeia de distribuição alimentar e para a resistência do setor face às dificuldades impostas pela pandemia”.

Um trabalho, garante, que conta com o apoio da autarquia, seja na valorização do “trabalho dos homens e das mulheres que se dedicam à atividade e ao Mundo Rural”, seja na “ambição de projetar Ourique como palco de vivências e de experiências”.

“Em 2022, certamente que a convergência de vontades e o compromisso comunitário gerarão condições para voltarmos a ter todo o esplendor do nosso Mundo Rural, nas diversas feiras que marcam o calendário e o território de Ourique”, conclui Marcelo Guerreiro.

A iniciativa arranca às 17h00 desta sexta-feira, 26, com a transmissão de mensagens do presidente da Câmara de Ourique, Marcelo Guerreiro, do presidente da ACPA, Nuno Faustino, e da ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque. Depois, pelas 18h30, tem lugar a entrega dos prémios para a Melhor Vara de Montanheira 2020-2021″.

Para sábado, 27, são transmitidos os filmes “Porco Alentejano: O Montado” (11h00) e “Porco Alentejano: A Transformação – Montaraz de Garvão” (14h00), seguindo-se uma mensagem de Pedro do Carmo, presidente da Comissão Parlamentar de Agricultura (15h00), e um concerto de José Diogo Bento e Pedro Mestre (16h30).

A Feira do Porco Alentejano 2021, em formato digital, termina no domingo, 28, com a exibição do filme “Porco Alentejano: A Transformação – Salsicharia Abelhinha” (11h00), um showcooking com o chef Ricardo Luz (15h00) e a mensagem de encerramento pelo presidente da autarquia, Marcelo Guerreiro (19h00).

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima