Ministra da Coesão defende valorização do aeroporto de Beja

A ministra da Coesão Territorial defende a valorização do aeroporto de Beja, que não vê como alternativa a Lisboa mas que pode ser “uma aposta importante” para vária atividades económicas.

Em entrevista ao jornal “Dinheiro Vivo”, Ana Abrunhosa lembra que “o aeroporto de Beja tem muitos anos” e que já lá foram investidos “mais de 30 milhões de fundos europeus”.

“A nossa mensagem e aposta é sempre valorizar o que temos pelo território e se temos essa infraestrutura onde já investimos milhões de fundos europeus e do Orçamento de Estado, há que adaptar e perceber que investimento podemos fazer para ter aquele aeroporto para pessoas e negócios”, diz a governante.

Ainda assim, Ana Abrunhosa garante não acreditar que o aeroporto de Beja “que possa substituir o de Lisboa”, mas que pode ser “importante para várias atividades económicas, nomeadamente o turismo”.

“Se fizermos bem as contas e tendo em conta o potencial de indústria aeronáutica ali em Évora, Ponte de Sor, e se em simultâneo procurássemos que aquele aeroporto tivesse outras funções, uma coisa levava à outra. O Alentejo é um dos destinos turísticos mais sustentáveis, mais procurados em período de pandemia, pela segurança e tranquilidade”, argumenta Ana Abrunhosa.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima