Mineiro Aljustrelense regressa ao trabalho no dia 1 de Agosto para preparar a 3ª divisão

Mineiro Aljustrelense regressa ao trabalho no dia 1 de Agosto para preparar a 3ª divisão

Treinador novo, algumas mexidas no plantel e o objectivo de (quase) sempre: garantir um lugar entre os seis primeiros classificados na fase regular da Série F da 3ª divisão nacional. São estes os planos do Mineiro Aljustrelense para a época 2011-2012, que no caso da equipa tricolor arranca no próximo dia 29, com os exames médicos. Depois, a 1 de Agosto (segunda-feira), começam os treinos no Estádio Municipal.
“Queremos ficar entre os seis primeiros classificados e não entrar em grandes aventuras, que as dificuldades financeiras são sempre muitas, ainda para mais nestas alturas de crise”, revela ao “CA” o presidente Vasco Santana, que confirma Sérgio Abreu, de 44 anos, como o novo treinador da equipa. “Além de reunir as competências pretendidas, financeiramente não representa um encargo elevado”, diz o dirigente sobre o técnico que na última temporada orientou os madeirenses do Portosantense e que como jogador se notabilizou, na década de 90, ao serviço do Sp. Braga.
Em 2011-2012, o plantel do Mineiro Aljustrelense vai contar entre 18 e 19 jogadores, mantendo-se o “núcleo duro” dos últimos anos. Quanto a reforços, Vasco Santana prefere não “abrir o jogo”, mas garante que além do jovem guarda-redes Miguel Cruz (ex-Panóias) vão chegar a Aljustrel, pelo menos, mais quatro reforços: “um guarda-redes, um defesa-central, um extremo e um avançado”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

ULSBA participa em projecto europeu

A Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA) candidatou-se ao projecto europeu de facturação electrónica “European Hospitals adopting the e-invoicing Directive”, aprovado pela INEA

CIMBAL apresenta propostas para o PRR

A Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL) submeteu vários contributos ao Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), no âmbito da consulta pública promovida ao documento.

Role para cima