Marinha apoia realização de rastreios epidemiológicos no Alentejo

As Forças Armadas vão reforçar o apoio à realização de rastreios epidemiológicos com uma segunda equipa de 26 militares da Marinha Portuguesa, anuncia o Ministério da Defesa Nacional.

Fonte governamental adianta ao “CA” que este grupo deverá entrar em funções já esta quinta-feira, 14, juntando-se “a uma outra equipa composta por 26 elementos da Marinha Portuguesa, que se encontra a operar desde 19 de Novembro” e que já efectuou “o acompanhamento de mais de 1.200 casos ao longo de quase dois meses”.

O Ministério da Defesa Nacional acrescenta que “nesta frente de colaboração com as autoridades de saúde pública estão actualmente em funções, em todo o país, 448 militares da Marinha, Exército e Força Aérea, divididos por 23 equipas”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima