Manuel Alegre fez campanha em Beja de cravo vermelho na lapela

Manuel Alegre fez campanha em Beja de cravo vermelho na lapela

O candidato presidencial Manuel Alegre passou esta quarta-feira, 12, pelo Baixo Alentejo de cravo vermelho ao peito e com um discurso de classes a favor dos pequenos e médios agricultores e dos valores de Abril inerentes à Constituição da República.
“Os que acreditam no 25 de Abril não vão querer perder aquilo que custou o sacrifício de tantas gerações”, declarou o candidato apoiado pelo PS e Bloco de Esquerda, em tom inflamado, no discurso que fez perante cerca de 120 apoiantes num almoço em Beja.
Depois de passar por Castro Verde, Alegre Alegre fez campanha nas ruas de Beja, cidade onde almoçou e defendeu que o baixo Alqueva deva servir sobretudo para a agricultura, mas não esquecendo os pequenos e médios agricultores.
“Temos de regressar à agricultura”, frisou, já depois de ter explorado a alegada contradição do actual Presidente da República, Cavaco Silva, defender o mar, mas, enquanto primeiro-minsitro, “ter destruído as pescas”.
Antes do discurso de Alegre, foi o presidente da Federação do Baixo Alentejo do PS, Luís Pita Ameixa, quem deu o mote: "Beja vai ser muito importante [nestas eleições presidenciais] porque estamos a trabalhar e vamos conseguir que Manuel Alegre, no distrito de Beja, à primeira volta será o candidato mais votado".

<b>MAIS INFORMAÇÃO NA EDIÇÃO DE 14 DE JANEIRO DO "CORREIO ALENTEJO", AMANHÃ NAS BANCAS</b>

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima