“Independentes por Almodôvar” e presidente da Câmara trocam críticas

“Independentes por Almodôvar” e

A comparticipação na aquisição de medicamentos no âmbito do cartão “Almodôvar Solidário” continua a gerar uma troca de críticas entre o executivo municipal e a oposição.
Em comunicado enviado ao “CA”, o movimento “Independentes por Almodôvar” acusa o autarca António Bota de fazer “falsas declarações” ao afirmar na comunicação social que a Câmara Municipal está a comparticipar a aquisição de medicamentos a 100% desde o princípio do ano no âmbito do cartão “Almodôvar Solidário”.
“O facto é que esta medida ainda não foi colocada em vigor, nem nada foi feito para que isso possa acontecer já que, para tal, terá que haver uma alteração ao regulamento do cartão ‘Almodôvar Solidário’, o que até ao momento não se verificou”, diz o comunicado.
Os independentes vincam ainda que “mais grave do que criar falsas expectativas nos beneficiários deste cartão que abrange cerca de 1.300 pessoas carenciadas deste concelho”, “é preocupante que o presidente da Câmara Municipal engane deliberadamente a população, anunciando a implementação de medidas que têm que obrigatoriamente seguir os trâmites legais que este tipo de procedimentos exige”.
Na resposta, e em declarações à Rádio Castrense (Castro Verde), o socialista António Bota revela que a medida está pronta “para avançar” e que o regulamento em causa será apresentado “em breve” em reunião de Câmara.
“Não aceito a crítica, porque se estivesse a mentir teria prometido e não cumprido. E nós prometemos e estamos prontos a cumprir”, acrescenta o presidente da Câmara de Almodôvar.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima