Entidades de Alcácer do Sal recebem condenados em trabalho comunitário

Entidades de Alcácer do Sal recebem condenados em trabalho comunitário

A Câmara de Alcácer do Sal e mais cinco entidades do concelho assinaram um protocolo de colaboração com o Ministério da Justiça, através da Direcção Geral de Inserção Social, com vista a receberem arguidos e condenados para prestarem trabalho a favor da comunidade, como forma de cumprirem as penas atribuídas pelos tribunais.
Em Alcácer do Sal, as instituições que passam a poder receber arguidos ou reclusos em trabalho comunitário são os Bombeiros Voluntários, as juntas de freguesia da Comporta e de Santa Susana, a Santa Casa da Misericórdia de Alcácer do Sal e a Escola Básica 2+3 Pedro Nunes.
O Município já antes tinha assinado um protocolo idêntico, tanto que desde 2008 já recebeu oito indivíduos, todos do concelho, que trabalharam lado a lado com os funcionários da autarquia em áreas tão diferentes como a carpintaria, os espaços verdes, a higiene e limpeza, o turismo, as piscinas ou a serralharia.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima