“Discriminação positiva” do Interior elogiada pelo PS

“Discriminação positiva”

A Federação do Baixo Alentejo do PS elogia a recente portaria do Governo, publicada em Diário da República a 28 de Fevereiro, que prevê um “substancial reforço” do financiamento a iniciativas de empreendedorismo, empreendedorismo social e auto-emprego nas regiões do Interior.
Em comunicado enviado ao “CA”, o presidente da Federação socialista sublinha “a importância da discriminação positiva e da valorização dos territórios do Interior neste importante instrumento de apoio à criação de emprego, que pode ser orientado para a criação de postos de trabalho e para a dinamização das economias locais do Baixo Alentejo”.
Segundo Pedro do Carmo, “o caminho faz-se caminhando” e existem hoje, da parte do Governo, “passos firmes no sentido de responder aos problemas e aos desafios dos territórios rurais do Interior”. “Primeiro, não havia consciência política da importância de valorizar o Interior, agora existe. Depois, não havia instrumentos de discriminação positiva e de apoio ao combate das tendências negativas, agora existem cada vez mais”, acrescenta.
A portaria agora em vigor prevê que o financiamento de iniciativas empresariais no Interior passe dos 5.000 para os 60.000 euros, permitindo o apoio à criação de emprego em micro, pequenas e médias empresas inovadoras e na concretização de estratégias de desenvolvimento local de base comunitária.
“Esta portaria de apoio reforçado à criação de emprego no Interior é positiva e deve ser aproveitada pela região”, conclui Pedro do Carmo.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima