Cuba quer participar na candidatura do cante alentejano a património mundial

Cuba quer participar na candidatura do cante alentejano a património mundial

A Câmara de Cuba apoia a candidatura do cante alentejano a património imaterial da Humanidade, mas quer ter “voz activa” em todo o processo e no documento a entregar à Unesco.
“Achamos que o cante alentejano é uma manifestação cultural que é muito ampla e em que todos nós alentejanos temos de nos rever. E todos aqueles que participam activamente nesta manifestação têm, de facto, de ser envolvidos no processo. Porque se isso não acontecer, consideramos que é difícil alcançar o sucesso da iniciativa”, vinca ao "CA" a vereadora Maria Teresa Calado, sublinhando a ideia de que o Município de Cuba pretende “participar activamente em todo o processo”.
“Julgamos que temos esse direito como alentejanos e como terra que, normalmente, é considerada uma terra onde se canta bem”, justifica a autarca.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima