Câmara de Ourique preocupada com "atraso" na mobilização de helicóptero de incêndios

Câmara de Ourique preocupada com "atraso" na mobilização de helicóptero de incêndios

A Câmara de Ourique está apreensiva com a não definição do estacionamento do helicóptero de combate inicial a incêndios no Centro de Meios Aéreos de Ourique, o que deveria ter acontecido no passado dia 15 de Junho.
A situação é considerada "prejudicial" pelo executivo da autarquia ouriquense, que já manifestou junto do comandante nacional de operações de socorro da Autoridade Nacional de Protecção Civil "as suas mais sérias preocupações".
Fonte municipal lembra, em declarações ao "CA", que a Câmara de Ourique "tem desenvolvido esforços, ano após ano, para a melhoria das condições de funcionamento do Centro de Meios Aéreos de Ourique, com resultados bastante positivos no combate a incêndios e na diminuição da área ardida".
"Como exemplos da importância da instalação deste meio aéreo em Ourique devem destacar-se o facto de já ter ardido este ano uma área superior à ardida no ano anterior, a área geográfica de intervenção que abrange parte significativa da região e os resultados anteriormente registados que comprovam o seu melhor aproveitamento a favor de um processo de combate a incêndios no território nacional", acrescenta.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima