Cidade de Beja "apaixonada" e em festa com o Festival do Amor

Cidade de Beja "apaixonada" e em festa com o Festival do Amor

Ao virar de cada esquina ouvir-se-ão sopros de paixão e suspiros românticos. Entre amantes serão trocadas juras de dedicação eterna, talvez também uma lágrima encarniçada… E tudo acontecerá entre esta quarta-feira e domingo, 1 a 5 de Junho, dias em que a cidade de Beja vai ser a… a capital do amor!
Depois de alguns anos de ausência, o Festival do Amor regressa à cidade baixo-alentejana pela mão da Câmara de Beja e da Cocas Produções, numa iniciativa que visa celebrar a memória de Soror Mariana Alcoforado e inclui, igualmente, os festejos do feriado municipal.
O evento terá como centro nevrálgico a Praça da República, mas vai espalhar um pouco por toda a cidade, do castelo ao Pax Julia Teatro Municipal, passando também pelo largo fronteiro ao Convento de Nossa Senhora da Conceição, onde vai decorrer uma Feira do Amor onde não faltarão, entre outras “atracções”, as incontornáveis barraquinhas de beijos, a deliciosas tasquinhas com petiscos afrodisíacos, os pontos de venda de livros e discos relacionados com o tema ou as misteriosas cartomantes e astrólogos!
A música é outro dos destaques do certame, com as actuações, entre outros, de Herman José e Virgem Suta (dia 1 de Junho); tunas académicas, Morango Tango e Irmãos Sambuka (dia 2); Lúcia Moniz e Irmãos Catita (dia 3); António Zambujo (com convidados) e Jorge Palma (dia 4).
E haverá ainda uma “Sexy Party” (ao fim da noite de sexta-feira, 3, com os DJs Fernando Alvim e Rocky G e vários convidados mediáticos) e uma “Love Party (a fechar a noite de sábado, 4, com os DJ’s Kika Lewis e Sunlize, entre outros), ambas no castelo.
A tudo isto o Festival do Amor junta <i>workshops</i> de artes orientais, de leitura e escrita criativa, massagens tailandesas e dança no varão, assim como espectáculos de teatro e de dança, exposições de fotografia e artes plásticas, colóquios, conferências, demonstrações de culinária <i>sexy</i> com o <i>chef</i> Chakall e a reedição das Cartas de Mariana Alcoforado, com ilustrações de Susa Monteiro.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima