Carlos Simão deixa Desp. Beja e futebol sénior pode acabar no clube

Carlos Simão deixa Desp. Beja e futebol sénior pode acabar no clube

Carlos Simão já não é treinador do Desportivo de Beja, tendo apresentado a sua demissão do cargo no último domingo, 20, após a derrota sofrida em Mértola (2-1 diante do Guadiana).
A saída é confirmada pelo próprio Simão ao "CA", que para já não faz qualquer tipo de declaração pública sobre o sucedido.
Adianta técnico bejense que o seu silêncio só será quebrado depois da Assembleia Geral extraordinária do Desportivo de Beja, agendada para a próxima quarta-feira, 30 de Novembro.
A reunião será uma das mais importantes na história recente do clube, já que o terceiro ponto na ordem de trabalho é a a discussão e votação de uma proposta da mesa da Assembleia Geral que visa a “suspensão, total ou parcial, das actividades” do clube.
A medida, a ser aprovada pelos associados do emblema da rua do Sembrano, pode redundar na extinção da equipa principal de futebol, actualmente a disputar o campeonato distrital da 1ª divisão.
“Aquilo que se pretende é fazer ver, de uma forma muito clara e precisa, aos sócios e à própria cidade de Beja que o clube efectivamente precisa de pessoas que lhe queiram dedicar algum do seu tempo”, explica o presidente da mesa da Assembleia Geral do Desportivo de Beja, Rogério Palma Inácio.

<b>MAIS INFORMAÇÃO SOBRE O TEMA NA EDIÇÃO DE 25 DE NOVEMBRO DO "CORREIO ALENTEJO", AMANHÃ NAS BANCAS</b>

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima