Candidato PSD/ CDS defende revitalização do centro de Beja

Candidato PSD/ CDS defende

A “dinamização e revitalização” do centro histórico da cidade de Beja é uma das prioridades da candidatura da coligação PSD/ CDS à autarquia da capital do distrito.
Em conferência de imprensa realizada esta terça-feira, 27, ao final da tarde, o cabeça-de-lista da candidatura “Mais Beja”, João Pedro Caeiro, vincou que o centro histórico de Beja está “desertificado” e apresenta “muito imóveis degradados”, situação que na sua opinião se deve às dificuldades impostas por entidades como a Direcção Regional de Cultura do Alentejo ou a “falta de vontade” de intervir por parte da autarquia.
Nesse sentido, e para contrariar esta realidade, João Pedro Caeiro defende que a Câmara de Beja comece a adquirir gradualmente alguns dos imóveis degradados na zona, reconvertendo-os em habitações e em espaços para artistas que se queiram instalar na cidade.
Ao mesmo tempo, o candidato do PSD e do CDS propõe a criação de galerias de arte, “tascas” e lojas de produtos regionais nos imóveis recuperados, por forma a “dar vida” ao centro histórico da cidade e trazer para Beja mais população jovem.
De acordo com João Pedro Caeiro, a proposta da candidatura “Mais Beja” para a revitalização do centro histórico da cidade tem como ponto de partida a zona da Mouraria e deverá envolver todas as forças políticas, independentemente de quem vencer as eleições autárquicas de 29 de Setembro.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima