Câmara de Odemira paga vencimentos sem cortes

Câmara de Odemira paga

A Câmara de Odemira pagou esta sexta-feira, 20 de Junho, aos seus 439 trabalhadores os vencimentos referentes a Junho já sem os cortes declarados inconstitucionais.
Fonte municipal adianta ao “CA” que esta medida tem por base a decisão do Tribunal Constitucional, que declarou inconstitucional o artigo 33º relativo ao corte nas remunerações totais ilíquidas mensais, incluído no Orçamento de Estado 2014.
“Face ao acórdão do Tribunal Constitucional, o Município de Odemira avançou de imediato com o pagamento dos salários dos seus funcionários, repondo os valores referentes a 2010”, refere a mesma fonte.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima