"Bronca" à vista no quadro distrital de árbitros de Beja

"Bronca" à vista no quadro distrital de árbitros de Beja

Está à vista um “caso de polícia” no seio do Conselho de Arbitragem (CA) da Associação de Futebol de Beja (AFB). Ou pelo menos uma grande bronca! Tudo porque o órgão que rege a arbitragem distrital decidiu participar às autoridades competentes uma possível falsificação de documentos internos relacionados com o processo de solicitação de dispensa aos jogos por parte de árbitros, assistentes ou observadores.
O anúncio foi feito segunda-feira, 9, em comunicado assinado pelo presidente do CA, José Rosa Soeiro, onde se pode ler, no terceiro e último ponto, que o órgão vai “efectuar de imediato uma participação às autoridades competentes contra desconhecidos por falsificação de documentos internos, relacionados com o processo de solicitação de dispensas”.
Antes, no ponto dois, o CA da AFB anuncia igualmente “eliminar o Ponto quatro – Outras penalizações e bonificações, contido nas normas de classificação para a época 2010-2011”, que está relacionado com a bonificação ou penalização “atribuída pela solicitação de dispensas ou não ao longo da época”, dado terem sido “detectadas irregularidades no processo de solicitação das mesmas” no decorrer da presente temporada.
Segundo apurou o “Correio Alentejo”, o caso tem que ver um dos árbitros de primeira categoria que se encontra na “corrida” pelo primeiro lugar na classificação final e consequente promoção ao terceiro escalão nacional. As irregularidades em causa podem influir directamente na classificação final e por isso mesmo o CA da AFB decidiu adiar para quinta-feira, 12, a divulgação das classificações finais da época 2010-2011 referentes aos árbitros de primeira e segunda categoria, assistentes e observadores.
Contactado pelo “CA”, o presidente do CA da AFB, José Rosa Soeiro, não quis tecer qualquer tipo de comentário sobre este caso, remetendo todas as declarações para esta sexta-feira, 13.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima