Bejense António Zambujo inicia digressão no Brasil

Bejense António Zambujo inicia digressão no Brasil

O músico bejense António Zambujo regressa ao Brasil para actuar a partir desta segunda-feira, 29, no Rio de Janeiro, seguindo depois para as cidades de São Paulo e Salvador da Bahia.
No teatro Solar Botafogo, no Rio de Janeiro, onde actuará até quarta-feira, 31, António Zambujo irá passar em revista todo o repertório, desde as raízes alentejanas ao mais recente álbum, “Guia”, editado em Abril do ano passado.
Na sala carioca António Zambujo acompanha-se à viola, e partilhará o palco com o contrabaixista Ricardo Cruz que produziu “Guia”.
Do Rio de Janeiro, António Zambujo parte para São Paulo para uma série de apresentações, cuja primeira parte será preenchida pelo músico Pedro Jóia e que contará com a participação especial de Ney Matogrosso.
Ao fadista e ao contrabaixista Ricardo Cruz, junta-se no palco paulista Bernardo Couto, na guitarra portuguesa.
António Zambujo apresentará no Sesc Vila Mariana, em São Paulo, nos dias 02, 03 e 04 de Setembro, fados tradicionais que marcaram forte presença nos seus dois primeiros álbuns, “O mesmo fado” e “Por meu cante”, e temas de "Guia".
Da capital paulistana, o criador de “Barroco Tropical” voará até Salvador, no Estado da Bahia, onde actua no formato de quinteto no dia 06 de Setembro na praça Teresa Batista.
O álbum “Guia” será a matriz do alinhamento deste espectáculo que junta no mesmo palco António Zambujo, voz e viola, Bernardo Couto, guitarra portuguesa, Ricardo Cruz, contrabaixo, Jon Luz, cavaquinho e viola da terra, e José Miguel Conde, clarinete.
Regressado do Brasil, António Zambujo actuará em Vic, arredores de Barcelona, no Mercat de Musica no dia 15 de Setembro, para estar no dia 24 desse mês na Culturgest, em Lisboa.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima