13 de Abril de 2011: a "primeira vez" do aeroporto de Beja

13 de Abril de 2011: a "primeira vez" do aeroporto de Beja

A contagem decrescente já começou! Às 18h20 desta quarta-feira, 13 de Abril, parte o primeiro voo "oficial" do aeroporto de Beja, num momento que será acompanhado pelo próprio primeiro-ministro José Sócrates, que chega à infra-estrutura cerca das 17h00.
A “honra” do voo inaugural caberá a um Boeing 757-200 da TACV – Cabo Verde Airlines, que aterrará na pista bejense vindo de Lisboa e depois irá ligar a nova infra-estrutura aeroportuária do Baixo Alentejo ao aeroporto da Cidade da Praia, na ilha de Santiago, em Cabo Verde.
O voo é promovido pela Câmara Municipal de Ferreira do Alentejo e pela ANA – Aeroportos de Portugal, com o apoio do Governo Civil de Beja e de outras entidades públicas e privadas, e terá como principal objectivo concluir o processo de geminação entre o município ferreirense e o seu homólogo de São Filipe, na ilha cabo-verdiana do Fogo.
Mas mais que a “primeira vez” de um equipamento muito reclamado, o dia 13 de Abril será também o será o primeiro passo num projecto que levou quase duas décadas a percorrer um caminho longo, estreito e sinuoso, que implicou um investimento de pouco mais de 30 milhões de euros para garantir o aproveitamento civil da pista da Base Aérea 11.
Tudo “isto dá-nos naturalmente uma grande satisfação, porque o Município de Ferreira do Alentejo ficará para sempre ligado à história do aeroporto de Beja. Temos a noção de que estamos a fazer história!”, admite ao “CA” o autarca ferreirense Aníbal Reis Costa.
Além de Sócrates, a assistir à partida do voo de Beja para a ilha de Santiago estarão também o ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações, António Mendonça, e pelo secretário de Estado Adjunto, das Obras Públicas e Comunicações, Paulo Campos.
Os governantes vão também participar na assinatura de acordos entre a ANA – Aeroportos de Portugal e operadores dos sectores aeroportuário e turístico, para potenciar a infra-estrutura e a região.
A partida está agendada para as 18h20, prevendo-se que os 185 passageiros a bordo do Boeing da TACV aterrem em solo cabo-verdiano quatro horas depois.
A vasta comitiva, entre representantes de entidades públicas e de empresas, assim como alguns “turistas”, vai estar em Cabo Verde durante sete dias, regressando a Portugal às 8h30 de dia 20 (quarta-feira) depois de várias reuniões e encontros bilaterais com autarquias, empresas e associações empresariais locais.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima