PSP de Beja tem frota automóvel e efectivo envelhecidos

PSP de Beja tem frota automóvel e efectivo envelhecidos

Mais agentes, mais carros e mais motos!
São estas as principais necessidades das esquadras de Beja e Moura que compõem o Comando Distrital da PSP, garante o representante da direcção nacional da Associação Sindical dos Profissionais da Polícia (ASPP) no distrito, que está preocupado com o envelhecimento do efectivo e da frota da força de segurança na região.
“Em Beja, além dos agentes que vão transitando para a pré-aposentação, temos um efectivo envelhecido.
E isso levanta problemas”, alerta Francisco Passinha, lembrando que com o passar do tempo a área geográfica da cidade foi alargada e a área cuja jurisdição pertence à PSP “também aumentou”.
Nesse sentido, o representante da ASPP defende que devido “às responsabilidades” que a PSP tem actualmente, o Comando Distrital necessitaria ter “mais 20 elementos” no activo, de forma a “contrapor o envelhecimento” do seu efectivo.
“E em vez de estarmos três ou quatro anos sem vir para cá ninguém, se calhar podiam vir todos os anos oito ou 10 novos elementos”, acrescenta.
Renovação é o verbo que Passinha também gostaria de ver aplicado ao parque automóvel da PSP no distrito.
“Temos alguns carros parados e o parque automóvel envelhecido”, afiança o representante da ASPP, admitindo ter havido “situações de carência de meios auto porque não havia dinheiro para os arranjar”, uma vez que Beja esteve “largos meses” sem receber orçamento para reparação de viaturas.
Por isso, “até há bem pouco tempo, houve carros a trabalhar 24 horas sobre 24 horas. Sempre a andar! O que equivale a dizer que muitos dos carros tiveram de ser encostados”, sublinha Francisco Passinha.
Tudo isto faz com que na opinião do sindicalista sejam necessários, “no mínimo, quatro carros novos em Beja e mais um Moura, além de duas a quatro motas”.

<b>LEIA A NOTÍCIA NA ÍNTEGRA NA EDIÇÃO DE 22 DE JUNHO DO “CORREIO ALENTEJO”, JÁ NAS BANCAS</b>

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima