PSP de Beja deteve traficante procurado há mais de 10 anos

PSP de Beja deteve traficante

A PSP de Beja deteve um homem de 46 anos, que era procurado “há mais de 10 anos” pelas autoridades internacionais por alegado tráfico de estupefacientes na Alemanha.
Contactada pela Agência Lusa, a subcomissária Maria do Céu Silva, do Comando de Beja da PSP, explicou esta quarta-feira, 6, que o suspeito foi detido na segunda-feira, 4, em Ourique.
A detenção foi efetuada por elementos da Esquadra de Investigação Criminal, na sequência de diligências efetuadas no âmbito de um processo.
Presente, na terça-feira, 5, ao Tribunal da Relação de Évora, o homem remeteu, em prisão preventiva, ao Estabelecimento Prisional de Beja, para aguardar o desenrolar do processo.
Segundo a PSP, o suspeito, de nacionalidade portuguesa, era procurado “há mais de 10 anos pelas autoridades internacionais”.
Um mandado de detenção europeu pendia sobre o homem, pela alegada autoria de um crime de tráfico de estupefacientes na Alemanha, revelou ainda a Polícia.
Entretanto, a Polícia Judiciária (PJ) anunciou esta quarta-feira a detenção de dois homens e uma mulher por suspeitas de tráfico de droga e posse de armas ilegais, com os detidos a saírem em liberdade, com obrigação de apresentações diárias às autoridades.
Segundo um comunicado da PJ, o Departamento de Investigação Criminal de Setúbal, no âmbito de uma investigação que decorria desde o Verão de 2012, fez aquelas detenções e buscas domiciliárias nas zonas de Beja, Setúbal e Chamusca.
Foram apreendidos, além de uma pequena quantidade de haxixe, 200 euros e 3.550 dinares marroquinos em numerário, uma viatura, dois computadores portáteis e material informático, acrescentou a PJ.
Foram também apreendidas duas carabinas, com miras telescópicas e supressores de som, uma caçadeira "shotgun" e munições de vários calibres, bem como um bastão e duas matracas.
"Os detidos, de 50, 42 e 38 anos, já com antecedentes policiais, foram presentes à autoridade judiciária competente para primeiro interrogatório judicial, tendo sido aplicada a medida de coacção de apresentações diárias à autoridade policial da sua área de residência", concluiu.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima