Providência contra candidatura de Rocha

Providência contra

O Movimento Revolução Branca (MRB) interpôs uma providência cautelar para tentar impedir a candidatura à Câmara de Beja, pela CDU, do "histórico" autarca de Serpa, João Rocha.
Através da acção, interposta no Tribunal Judicial de Beja contra o PCP e o "Os Verdes", que formam a CDU, e João Rocha, o MRB pretende que o autarca seja declarado "legalmente impedido" de se apresentar como candidato à presidência da Câmara de Beja, nas eleições autárquicas deste ano.
Em comunicado enviado À Agência Lusa, o movimento explica que com a ação para impedir a candidatura de João Rocha, pela CDU, e após as providências cautelares contra candidaturas de autarcas do PSD, "transmite um sinal claro à sociedade portuguesa, aos diversos partidos políticos e às candidaturas independentes, que é um movimento cívico, apartidário, com vista a consciencializar e mudar as condições políticas e sociais em Portugal, elevar a moralidade da sociedade portuguesa e do Estado que a representa".
A Lusa tentou sem sucesso contactar João Rocha, que liderou durante quase 33 anos a Câmara de Serpa, à qual não se pode recandidatar, devido à lei que estabelece o limite de três mandatos consecutivos.
João Rocha liderou a Câmara de Serpa entre 1979, ano em que foi eleito pela primeira vez, e final de outubro de 2012, quando cumpria o nono mandato consecutivo e suspendeu o cargo, por razões pessoais, tendo sido substituído pelo anterior vice-presidente, Tomé Pires.
João Rocha é a aposta da CDU para "reconquistar" a Câmara de Beja, que a coligação perdeu para o PS nas eleições autárquicas de 2009, quando o socialista Jorge Pulido Valente conquistou a presidência do município, acabando com o domínio comunista de 33 anos.
Além de João Rocha, pela CDU, o actual presidente da Câmara de Beja, Jorge Pulido Valente, que se recandidata pelo PS para tentar um segundo mandato, e João Pedro Caeiro, pelo PSD, são os candidatos conhecidos, até hoje, à presidência da autarquia da capital do Baixo Alentejo.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima