Protesto contra fecho de escola continua em Rio de Moinhos

Protesto contra fecho de escola

Pais, população e autarcas decidiram prolongar por tempo indeterminado o protesto contra o encerramento da escola básica do primeiro ciclo de Rio de Moinhos (Aljustrel).
Desde segunda-feira, 15, que se têm realizado acções de protesto junto ao estabelecimento, encerrado a partir deste ano lectivo por ordem do Ministério da Educação, o que obrigou à transferência dos seus alunos para o Centro Escolar Vipasca, em Aljustrel.
A medida é contestada por encarragados de educação, populares e autarcas e segundo fonte municipal os protestos irão continuar “até que o Ministério da Educação inverta uma decisão que está a impedir os alunos de Rio de Moinhos de frequentarem a escola”.
“Perspectivam-se, igualmente, novas formas de contestação, nomeadamente uma deslocação a Évora na segunda-feira, 22, para um protesto junto da Direcção Geral dos Estabelecimentos Escolares”, acrescenta a mesma fonte.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima