Prémio "Estação Imagem/ Mora" com 170 candidatos em 2013

Prémio "Estação Imagem/ Mora"

Quase 170 foto-jornalistas, que apresentaram cerca de 500 reportagens, disputam este ano o prémio de foto-jornalismo "Estação Imagem/ Mora", cujos vencedores são anunciados no próximo dia 13, numa cerimónia na vila alentejana, revelou a organização.
Luís Vasconcelos, da associação Estação Imagem, promotora do concurso, em parceria com a Câmara Municipal de Mora, congratulou-se à Agência Lusa pela “elevada participação” na edição deste ano.
“É o segundo ano do prémio em que temos mais concorrentes, mais reportagens e mais candidaturas à bolsa”, realçou, referindo que os números desta edição só ficam atrás dos relativos ao ano de estreia, em 2010.
No total, este quarto prémio de foto-jornalismo Estação Imagem Mora vai ser disputado por 167 concorrentes, que submeteram à apreciação do júri 492 reportagens, existindo ainda 22 inscrições para a bolsa que é atribuída anualmente.
“Esta elevada participação é muito importante, tendo em conta que os fotógrafos estão cada vez com menos emprego, devido à crise e aos cortes feitos por todo o lado”, argumentou Luís Vasconcelos.
A participação “representa um esforço individual muito grande por parte dos fotógrafos”, o que é elucidativo “da importância” que a iniciativa já tem.
Além disso, acrescentou o responsável pela organização, “no primeiro ano muitos fotógrafos concorreram para apoiar a existência deste prémio”, mas agora a adesão “é muito mais estruturada”.
“Quatro anos depois, as pessoas sabem perfeitamente a forma como os diferentes júris têm olhado para o prémio. Concorrer é, portanto, um exercício mais difícil”, congratulou-se.
O prémio, exclusivamente vocacionado para a reportagem fotográfica, engloba este ano uma nova categoria, dedicada a Assuntos Contemporâneos, à qual foram apresentadas 71 candidaturas.
O concurso passa, assim, a contar com sete categorias, pois, além da nova, os concorrentes submetem reportagens nas áreas de Notícias, Vida Quotidiana, Arte e Espectáculos, Ambiente, Série de Retrato e Desporto.
De entre todos os trabalhos, além dos prémios relativos às categorias (mil euros cada), o júri vai também escolher o vencedor do galardão principal, o Prémio Estação Imagem/ Mora (3.500 euros).
O evento é aberto a foto-jornalistas oriundos de Portugal, nacionais ou estrangeiros, dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) e da região espanhola da Galiza.
A iniciativa, cujos vencedores são conhecidos no dia 13, em Mora, integra ainda uma bolsa anual (quatro mil euros), a atribuir a um projecto sobre o Alentejo.
O júri deste ano é liderado por Elisabeth Biondi, também presidente do júri de retratos do World Press Photo 2013.
Os outros membros do júri são Jim Casper, fundador e director da "Lens Culture", Paul Hanna, fotógrafo chefe da Agência Reuters para Espanha e Portugal, e Maurício Lima, fotógrafo brasileiro do "New York Times".

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima