Pedro do Carmo "presta contas" aos eleitores baixo-alentejanos

Pedro do Carmo "presta contas"

O deputado do PS eleito por Beja está a distribuir pelos eleitores do distrito um folheto de “prestação de contas” pelo trabalho realizado na Assembleia da República, considerando que tem sido a “voz do Baixo Alentejo” no Parlamento. No documento, Pedro do Carmo argumenta que “depois de quatro anos de cortes e de abandono, a nova maioria retomou o caminho de aposta no Baixo Alentejo”.
“Como na nossa vida, não se faz em um ou dois anos o que não fizemos em 10 ou mais, mas o caminho de atenção e de investimento no interior foi retomado”, sublinha o deputado do PS.
Pedro do Carmo nota que “seja em Lisboa como em Ourique ou em Beja”, tem mantido “a coerência de quem prefere uma solução a sublinhar um problema, de quem prefere fazer do que reclamar que alguém faça, mas sempre com a determinação em procurar fazer o melhor para o Baixo Alentejo e os baixo-alentejanos”.
O parlamentar socialista relembra ainda que ao longo do último ano visitou todos os concelhos do distrito. “Estive onde fui convidado, com as pessoas e com as instituições, sempre com disponibilidade para ver e ouvir para depois estar em melhor condições para contribuir para a resolução ou para dar voz às nossas terras”, afiança.
E acrescenta: “Respondi a centenas de e-mails com problemas e com aspirações das pessoas, por vezes com angústias, noutras vezes com esperança, mas sempre com a firme determinação em ser porta-voz de todos os baixo-alentejanos, com o mesmo discurso em Lisboa e em Beja. Foi esse o sentido das intervenções parlamentares, das perguntas ao governo e de ter votado de forma diferente da orientação do partido em algumas questões, por exemplo, na reposição das freguesias”.
Tudo isto leva Pedro do Carmo a concluir que “depois dos governos da direita e das suas consequências para as nossas gentes e para as nossas terras, o caminho faz-se caminhando”. “Mas sempre no mesmo sentido, o da defesa do melhor para o Baixo Alentejo e para os baixo-alentejanos”, remata.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima