Morreu Dinis Vital, antigo guarda-redes

Morreu Dinis Vital

O antigo futebolista internacional Dinis Vital, que jogou no Lusitano de Évora e no Vitória de Setúbal, nos anos 1950 e 1960 morreu esta quarta-feira, 17, aos 82 anos, vítima de doença, disse à Agência Lusa fonte hospitalar.
Segundo a mesma fonte, o antigo guarda-redes Dinis Vital estava internado numa unidade de cuidados continuados e deu entrada no serviço de urgência do Hospital do Espírito Santo de Évora, na terça-feira à tarde, tendo morrido na madrugada seguinte, devido ao agravamento do seu estado de saúde.
Dinis Vital nasceu a 2 de Julho de 1932 na vila alentejana de Grândola.
Iniciou a carreira no clube da sua terra, o Grandolense, mas foi no Lusitano de Évora e no Vitória de Setúbal que se destacou no futebol nacional.
Sagrou-se campeão da II Divisão Nacional e alinhou na I Divisão com a camisola da equipa alentejana.
Mais tarde, transferiu-se para o Vitória de Setúbal, clube ao serviço do qual conquistou uma Taça de Portugal.
Como treinador, passou, entre outras, pelas duas equipas de Évora, Lusitano e Juventude, e esteve no Vitória de Setúbal como treinador de guarda-redes.
Em 1959, Vital vestiu, pela primeira e única vez, a camisola da selecção portuguesa num jogo amigável frente à Suíça, mas representou várias vezes a selecção militar de Portugal.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima