Greve de enfermeiros não afectou partos na região Alentejo

Greve de enfermeiros não

A greve dos enfermeiros especialistas em saúde materna e obstetrícia não afectou a realização de partos na região do Alentejo nesta segunda-feira, 3 de Julho, adianta a Administração Regional de Saúde (ARS).
De acordo com fonte oficial, os blocos de partos das maternidades da Unidade Local do Norte Alentejano, Baixo Alentejo e do Hospital do Espírito Santo de Évora mantiveram “os seus serviços assegurados”, não se verificando “qualquer alteração no seu normal funcionamento”.
Recorde-se que os enfermeiros especialistas em saúde materna e obstetrícia recusam-se, desde esta segunda-feira, 3, a prestar cuidados diferenciados como protesto contra o não pagamento desta especialização.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima