Governo alarga prazo para Almina investir em Aljustrel

Governo alarga prazo para

O Governo aceitou alargar o prazo do investimento da Almina na mina de Aljustrel até ao ano de 2014. Segundo adiantou esta segunda-feira, 7, o “Jornal de Negócios”, o despacho publicado em Diário da República aponta 2014 como o novo prazo para a empresa concretizar o investimento de 130 milhões de euros na vila mineira, depois de não ter sido possível cumprir a meta de Julho de 2012.
“Pedimos para prolongar o exercício do investimento até ao final de 2014, para conciliar o investimento com a situação económica”, justificou o presidente da Almina, Humberto Costa Leite, citado pela mesma fonte.
Assinado em 2010 com o Governo liderado na altura por José Sócrates, o contrato de investimento da Almina em Aljustrel incluía a concessão de incentivos financeiros ao relançamento das actividades de extracção e beneficiação do complexo mineiro local.
Ao todo, estava previsto um investimento total de 130 milhões de euros, sendo que em Setembro de 2012 a Almina já tinha realizado um investimento de 74,5 milhões de euros.
Paralelamente, a empresa recebeu apoios no valor de 27 milhões de euros.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima