GNR de Beja detecta 16 estrangeiros em situação ilegal

GNR de Beja detecta 16

A GNR detectou 16 estrangeiros em situação ilegal em Portugal, em acções de fiscalização realizadas no concelho de Beja, tendo elaborado vários autos de contra-ordenação.
As acções foram realizadas no final da passada semana por militares do Destacamento Territorial de Beja da GNR, com a colaboração do Destacamento de Acção Fiscal de Évora da GNR e do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).
A fiscalização, que decorreu em várias explorações agrícolas e em três residências de Beringel, no concelho de Beja, estava direccionada para a detecção de ilícitos relacionados com actividades agrícolas sazonais, nomeadamente as vindimas que se realizam na região.
Em comunicado enviado à Agência Lusa, a GNR adiantou que foram identificados 62 homens, naturais da Índia, Paquistão e Bangladesh, por irregularidades relacionadas com a situação de permanência em Portugal e com contratos de arrendamento das habitações.
Do total de estrangeiros identificados, 16 encontravam-se em situação ilegal em Portugal, dos quais sete foram notificados para abandonarem o país e nove para comparecerem no SEF para regularizar a sua situação, realçou a força de segurança.
A GNR acrescentou que elaborou ainda 27 autos por ilícitos fiscais relacionados com arrendamentos irregulares, três autos de contra-ordenação ao Regime de Bens em Circulação e um à legislação complementar ao Código da Estrada.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima