Fecho da EB de Rio de Moinhos discutido com secretário de Estado

Fecho da EB de Rio de Moinhos

Os autarcas de Aljustrel foram recebidos esta quarta-feira, 24, pelo secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário durante uma acção de protesto em Lisboa.
Durante o protesto, que juntou os 13 alunos da Escola do primeiro ciclo do ensino básico de Rio de Moinhos, pais e encarregados de educação, os autarcas foram recebidos pelo secretário de Estado João Grancho, disse à Agência Lusa o presidente da Câmara de Aljustrel, Nelson Brito.
Na conversa com o secretário de Estado, os representantes autárquicos expuseram os seus argumentos sobre o fecho da escola de Rio de Moinhos, que consideram "injusto e inapropriado", e a transferência dos 13 alunos para o Centro Escolar Vipasca, em Aljustrel, a cerca de quatro quilómetros, explicou.
Segundo o autarca, "o secretário de Estado mostrou-se sensível com os argumentos" e pediu para os representantes autárquicos se deslocarem esta quinta-feira, 25, a Évora para uma reunião, às 9h00, com a responsável regional do Alentejo do Ministério da Educação para se "tentar ultrapassar o problema".
Tal como tem acontecido desde o início do ano lectivo, no passado dia 15, os 13 alunos de Rio de Moinhos, por decisão dos pais e encarregados de educação, vão faltar na quinta-feira às aulas no Centro Escolar Vipasca, em Aljustrel, "na expectativa das conclusões da reunião".
Na tarde desta quinta-feira haverá um plenário para os pais e encarregados de educação decidirem o que fazer a seguir e de acordo com as conclusões da reunião, disse o autarca.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima